Plâncton


Introdução

O plâncton é constituído de pequenos animais e vegetais aquáticos cujo poder de deslocamento não é suficiente para vencer os movimentos das águas, a palavra plâncton significa “Errante ao sabor das ondas”. Estes seres possuem elevadas taxas de reprodução e perda.

Esses organismos são a base da cadeia alimentar e por isso são de vital importância para o ecossistema aquático.

Também são um bom indicativo de mudanças climáticas e de qualidade da água já que estes são sensíveis a mudanças químicas e físicas da água.

Embora na maioria das vezes nós ouvimos falar muito do plâncton marinho, eles também existem em água doce, onde desempenham um papel importantíssimo no ecossistema de águas interiores, e também na aquicultura servindo de alimento para peixes como a tilápia do nilo.

Fitoplâncton

O fitoplâncton é composto por uma enorme variedade de algas que são responsáveis maior parte do oxigênio produzido na atmosfera terrestre, cerca de 95% de nosso oxigênio é produzido por essas microalgas, e não é só isso, elas também são o maior produtor primário dos oceanos. Com todos estes dados fica bem nítida a importância destes seres em nosso mundo.

Zooplâncton

O zooplâncton é um conjunto de pequenos animais aquáticos (em sua maioria crustáceos), grande parte deles são herbívoros e se alimentam em sua maioria de fitoplânctons, mas também existem os carnívoros e onívoros. Também são muito sensìveis a mudanças ambientais assim como os fitoplânctons logo também são excelentes indicadores de qualidade da água.

  • Facebook
  • YouTube